Marcelo surpreende e discursa em ucraniano nas celebrações do Dia da Independência. "Longa vida à fraternidade entre Portugal e a Ucrânia" - TVI

Marcelo surpreende e discursa em ucraniano nas celebrações do Dia da Independência. "Longa vida à fraternidade entre Portugal e a Ucrânia"

  • Agência Lusa
  • PF
  • 24 ago 2023, 10:24

Durante a intervenção, de pouco mais de um minuto, o Presidente da República foi aplaudido várias vezes pelos convidados da cerimónia

Relacionados

O Presidente da República dirigiu-se em ucraniano ao homólogo Volodymyr Zelensky e militares para assegurar que Portugal vai apoiar sempre a independência do país que há ano e meio está a combater uma invasão russa.

"Parabéns, Ucrânia! Portugal estará, e está, sempre com a vossa independência", disse Marcelo Rebelo de Sousa, durante as comemorações do 32.° aniversário da independência da Ucrânia, em Kiev.

Para surpresa de todos os convidados, militares e até do Presidente da Ucrânia, o chefe de Estado português fez a intervenção toda, de pouco mais de um minuto, em ucraniano, sendo várias vezes aplaudido.

O Presidente da República acrescentou que apoiar a Ucrânia é essencial para que o futuro da Europa seja um futuro de segurança: "Sem a vossa legítima defesa não haverá paz e segurança na Europa."

E o futuro, na ótica do Presidente da República, será "na União Europeia e na NATO".

Marcelo Rebelo de Sousa terminou a sua breve intervenção deixando "um abraço para todo o corajoso e indomável povo ucraniano".

"Longa vida à independência da Ucrânia. Longa vida à fraternidade entre Portugal e a Ucrânia", finalizou.

Continue a ler esta notícia

Relacionados