"Faz todo o sentido que o que eu disse aos jornalistas seja dito em tribunal": Marcelo confirma que vai ser testemunha de António Costa - TVI

"Faz todo o sentido que o que eu disse aos jornalistas seja dito em tribunal": Marcelo confirma que vai ser testemunha de António Costa

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, fala à imprensa antes de entrar para participar no Programa “Músicos no Palácio de Belém” (Lusa/TIAGO PETINGA)

Presidente da República disponível para "colaborar com a justiça"

Relacionados

Marcelo Rebelo de Sousa confirmou esta sexta-feira que vai ser testemunha no processo do primeiro-ministro contra o ex-governador do Banco de Portugal. 

À saída do Fórum de Sustentabilidade e Sociedade, em Matosinhos, o Presidente da República foi questionado pelos jornalistas sobre o processo movido por António Costa, que o arrolou como testemunha, ao que respondeu: "Eu, sobre dois ou três pontos relativos ao BPI e às questões internas dentro do BPI, fiz declarações públicas em matéria de facto, portanto faz todo o sentido que o que eu disse na comunicação social seja dito em tribunal."

Já em relação ao processo entretanto aberto por Carlos Costa, em resposta à ação judicial do primeiro-ministro, Marcelo Rebelo de Sousa voltou a mostrar-se disponível para "colaborar com a justiça", caso os factos de que tem conhecimento se afigurem "úteis para esclarecer" as dúvidas em torno do caso que envolveu Isabel dos Santos e o atual EuroBIC.

Além de Marcelo Rebelo de Sousa, na lista de testemunhas de António Costa constam também Fernando Ulrich e Artur Santos Silva, ambos na liderança do BPI em 2016, quando, nas palavras do primeiro-ministro, havia “uma situação de bloqueio acionista” decorrente da participação detida pela empresária angolana Isabel dos Santos no processo de venda aos espanhóis do La Caixa e que se interligava com a sua posição na administração do atual EuroBIC.

Continue a ler esta notícia

Relacionados