Há quatro localidades portuguesas entre as melhores aldeias turísticas do mundo - TVI

Há quatro localidades portuguesas entre as melhores aldeias turísticas do mundo

  • Agência Lusa
  • DCT
  • 19 out 2023, 12:07
Surf

A Organização Mundial do Turismo destacou os distinguidos como localidades “genuinamente comprometidas com a promoção e a preservação do seu legado cultural e histórico, e promotoras de turismo sustentável”, é referido pelas Aldeias Históricas.

Quatro vilas e aldeias portuguesas, Ericeira, Madalena, Manteigas e Sortelha foram distinguidas com o prémio “Melhor Aldeia Turística 2023” da Organização Mundial do Turismo, informou esta quinta-feira o Ministério da Economia e do Mar.

O anúncio foi feito durante a Assembleia Geral e a Reunião da Comissão Executiva da Organização Mundial do Turismo, que decorre em Samarkand, no Uzbequistão, até sexta-feira, que premiaram outras localidades.

Em comunicado, a tutela informa que o selo, que estará em vigor durante três anos, distingue os melhores destinos rurais, a nível mundial, promovendo o papel transformador do turismo nestes territórios através de estratégias de sustentabilidade alinhadas com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas.

“Esta distinção, atribuída por uma das mais relevantes entidades turísticas do mundo, enaltece a excelência do turismo nacional, do interior do país e de ofertas turísticas diferenciadoras”, salientou o secretário de Estado do Turismo, Comércio e Serviços, Nuno Fazenda, citado em comunicado enviado à agência Lusa.

Para o governante, estes prémios são “um reconhecimento internacional à sustentabilidade e autenticidade do turismo português, que importa continuar a assegurar e a valorizar”.

Ericeira fica no concelho de Mafra, no distrito de Lisboa, Madalena no concelho da Madalena, ilha do Pico, no arquipélago dos Açores, Manteigas no distrito da Guarda e a Aldeia Histórica de Sortelha no concelho do Sabugal, no distrito da Guarda.

Para o presidente da Associação de Desenvolvimento Turístico Aldeias Históricas de Portugal, Carlos Ascensão, o reconhecimento “demonstra mais uma vez o mérito do trabalho desenvolvido pela Aldeias Históricas”.

“É com grande regozijo que recebemos esta distinção, que reconhece a estratégia da nossa associação em tornar este território genuinamente sustentável e inovador, assente no conceito de crescimento verde, inclusivo e inteligente, com capacidade para potenciar o desenvolvimento local integrado, e diferenciando-se como ‘innovation leader’ no âmbito dos territórios de baixa densidade”, acrescentou Carlos Ascensão, citado numa nota enviada à agência Lusa.

A Organização Mundial do Turismo destacou os distinguidos como localidades “genuinamente comprometidas com a promoção e a preservação do seu legado cultural e histórico, e promotoras de turismo sustentável”, é referido pelas Aldeias Históricas.

Sortelha é a terceira Aldeia Histórica de Portugal a ser agraciada com o selo “Melhor Aldeia Turística”, depois de Castelo Rodrigo, no concelho de Figueira de Castelo Rodrigo, ter vencido em 2021, e Castelo Novo, no concelho do Fundão, ter conquistado o mesmo prémio em 2022.

Cumeada, no concelho de Reguengos de Monsaraz, distrito de Évora, foi também distinguida em 2021.

Continue a ler esta notícia