Mau tempo provoca inundações e derrocadas nos Açores - TVI

Mau tempo provoca inundações e derrocadas nos Açores

  • Agência Lusa
  • 6 out 2023, 10:19
Mau tempo em Lisboa (António Pedro Santos/Lusa)

Registaram-se 34 ocorrências em seis ilhas do arquipélago

Relacionados

O mau tempo nos Açores provocou, desde quinta-feira, 34 ocorrências em seis das nove ilhas, como inundações e derrocadas, "não havendo vítimas a registar", revelou esta sexta-feira a Proteção Civil açoriana.

O Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores (SRPCBA) informa, num comunicado enviado às redações, que, das 34 ocorrências registadas, 14 ocorreram na Terceira, oito no Pico, seis nas Flores, quatro no Faial, uma em São Jorge e uma na Graciosa.

"As situações reportadas estão relacionadas com quedas de árvore, inundações de vias e em habitações, derrocadas, danos em estruturas e obstruções de vias", descreve.

Bombeiros, Direção Regional das Obras Públicas e Serviços Municipais de Proteção Civil, sob a coordenação do SRPCBA, estiveram nos locais, para apoio e resolução das situações relacionadas com o mau tempo, provocado pela passagem de uma superfície frontal fria com ondulações.

A Proteção Civil aconselha a população a continuar a acompanhar as previsões emitidas pelo Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) e a adotar as medidas de autoproteção para estas situações.

O grupo Central dos Açores (Terceira, Pico, São Jorge, Graciosa e Faial) está sob aviso amarelo, devido à "precipitação por vezes forte, podendo ser acompanhada de trovoada", até às 09:00 de hoje (10:00 em Lisboa).

Para o grupo Oriental (São Miguel e Santa Maria) o aviso amarelo do IPMA, referente a chuva, por vezes forte e trovoada, vai vigorar a partir das 09:00 de hoje e até às 24:00.

O aviso amarelo, o menos grave, é emitido sempre que existe uma situação de risco para determinadas atividades dependentes da situação meteorológica.

 

Continue a ler esta notícia

Relacionados