Voleibol: Benfica eliminado da Liga dos Campeões - TVI

Voleibol: Benfica eliminado da Liga dos Campeões

Voleibol do Benfica 2021/2022 (SL Benfica)

Encarnados foram derrotados pelo Zenit (3-0) e ficaram matematicamente arredados dos quartos de final

Relacionados

O Benfica perdeu, esta terça-feira, na receção ao Zenit por 3-0 e está matematicamente eliminado dos quartos de final da Liga dos Campeões de voleibol.

Ainda que faltem duas jornadas, esta vitória dos russos deixa-os no topo do grupo D em igualdade pontual com os alemães do Berlim ao passado que os encarnados são últimos, sem qualquer ponto somado, atrás do Vojvodina, próximo oponente da equipa lusa. 

Após três derrotas nos três jogos inaugurais, uma delas aplicada na secretaria por falta de comparência devido a um surto de covid-19, as águias entraram na partida sem grande pressão.

Como seria de esperar, o Zenit dominou o encontro e venceu o primeiro parcial por 25-16. 

Como seria de esperar, os russos dominaram o encontro, com o Benfica a fazer pela vida e, a espaços, a dar algum brilho essencialmente com os remates junto à rede. Os encarnados ainda estiveram a vencer por 6-5 no segundo set, mas o emblema de São Petersburgo rapidamente voltou à liderança do marcador e fechou o set por 25-18. 

O Zenit entrou no terceiro parcial sem fazer rotação da equipa, manteve os mesmos sete jogadores ao longo de todo o jogo e um eventual cansaço ou desgaste não era visível, sinal de que os argumentos eram bem diferentes. O ponto conquistado por Aaro Nikula, no terceiro e derradeiro set, ainda colocou, à semelhança do anterior, o Benfica a vencer (9-8), contudo o Zenit rapidamente recuperou a posição, acabando por selar o 3-0 com o serviço perdido por Pablo Machado (25-16).

FICHA DE JOGO

Jogo realizado no Pavilhão n.º 2 do Estádio da Luz, em Lisboa.

Benfica - Zenit, 0-3.

Parciais: 16-25 (24 minutos), 18-25 (28) e 16-25 (26).

Sob a arbitragem de Juraj Mokry (Eslováquia) e Milan Rajokic (Croácia), as equipas alinharam:

Benfica: Raphael Olivieira, Peter Wholfahrtstatter, Pablo Machado, Aaro Nikula, Tiago Violas e Ivo Casas (líbero). Jogaram ainda: Flávio Soares, André Lopes, Bernardo Westermann, André Aleixo, Lucas França e Bernardo Silva (líbero 2).

Treinador: Marcel Matz.

Zenit: Igor Kolodinsky, Ivan Iakovlev, Fedor Voronkov, Victor Poletaev, Egor Kliuka e Jenia Grebennikov. Jogou ainda: Dmitrii Pashitskii.

Treinador: Tuomas Sammelvuo.

Assistência: cerca de 1.100 espetadores.

 

Continue a ler esta notícia

Relacionados