Hamilton: «Se fui roubado em 2021? Obviamente» - TVI

Hamilton: «Se fui roubado em 2021? Obviamente»

Lewis Hamilton (AP Photo/Frank Augstein)

Piloto britânico, que vai cumprir a última temporada na Mercedes antes de se mudar para a Ferrari, diz que nunca começou um ano tão animado para o ano seguinte

Relacionados

Lewis Hamilton diz que o início de 2024 é, provavelmente o momento mais emocionante da sua vida. Em entrevista à GQ, o piloto britânico, que vai cumprir a última temporada na Mercedes antes de se mudar para a Ferrari, afirmou que nunca começou um ano tão animado para o seguinte.

Na mesma entrevista, Hamilton recordou o final da temporada de 2021, onde Max Verstappen se sagrou campeão mundial de Fórmula 1 na última corrida do ano.

«Fui roubado? Obviamente. Quer dizer, vocês conhecem a história. Mas acho que o que foi realmente lindo naquele momento, o que tiro disso, foi que o meu pai estava comigo. E passámos juntos por essa enorme montanha-russa da vida, altos e baixos. E no dia que mais doeu, ele estava lá, e a forma como ele me criou foi sempre de pé, com a cabeça erguida. E obviamente fui dar os parabéns ao Verstappen, sem perceber o impacto que isso teria, mas também estava muito consciente de que havia um mini-eu assistindo. Este é o momento decisivo da minha vida. E eu acho que realmente foi. Eu senti. Eu não sabia como isso seria percebido. Eu não tinha, tipo, visualizado isso. Mas eu estava definitivamente consciente: nos próximos 50 metros que ando é onde caio no chão e morro – ou me levanto», começou por dizer.

Por fim, o piloto, sete vezes campeão do mundo de Fórmula 1, revelou que não esquece essa corrida.

«Se eu vejo um vídeo disso, ainda sinto, mas estou em paz com isso», concluiu.

Continue a ler esta notícia

Relacionados