Níger: Junta militar anuncia Governo de transição com 21 ministros (incluindo seis militares) - TVI

Níger: Junta militar anuncia Governo de transição com 21 ministros (incluindo seis militares)

  • Agência Lusa
  • DCT
  • 10 ago 2023, 08:00
Níger (AP Photo/Sam Mednick, File)

O general Salifou Mody foi escolhido para o Ministério da Defesa e o general Mohamed Toumba para o do Interior, duas figuras importantes da junta.

A junta militar no poder após o golpe de Estado de 26 de julho no Níger anunciou a formação de um novo Governo de transição composto por 21 ministros, incluindo seis militares.

O líder do autodenominado Conselho Nacional para a Salvaguarda da Pátria (CNSP), o general Abdourahamane Tiani, assinou um decreto com a composição dos membros do novo Governo divulgado esta madrugada pela agência pública de notícias ANP.

O novo Governo é chefiado pelo economista e antigo ministro, Mahamane Lamine Zeine, nomeado na segunda-feira, que terá também a pasta da Economia e das Finanças.

O general Salifou Mody foi escolhido para o Ministério da Defesa e o general Mohamed Toumba para o do Interior, duas figuras importantes da junta.

O coronel Major Amadou Abdramane, porta-voz do CNSP, será responsável pela pasta da Juventude e dos Desportos. Os outros ministérios ocupados pelos militares são a Saúde, os Transportes e a Água, Saneamento e Ambiente.

A nomeação do Governo provisório ocorre poucas horas antes de uma reunião importante dos líderes do Conselho Económico dos Estados da África Ocidental (CEDEAO), em Abuja, Nigéria, para analisar a situação no Níger, depois de ter expirado, no passado domingo, o ultimato dado pelo bloco regional aos líderes golpistas para restabelecerem a ordem constitucional, sob a ameaça de uma possível ação militar.

Continue a ler esta notícia

Mais Vistos