Estado de saúde do Papa Francisco “melhorou substancialmente”: “Pode sair do hospital nos próximos dias” - TVI

Estado de saúde do Papa Francisco “melhorou substancialmente”: “Pode sair do hospital nos próximos dias”

  • CNN Portugal
  • PF
  • 30 mar 2023, 19:54
Papa Francisco na Praça de São Pedro a rezar o Angelus (Fabio Frustaci/ ANSA)

Papa foi diagnosticado com uma bronquite e não vai presidir à missa do Domingo de Ramos

O estado de saúde do Papa Francisco “melhorou substancialmente” esta quinta-feira após lhe ser administrado um antibiótico por via intravenosa, referiu o Vaticano em comunicado.

Os médicos do Hospital Gemelli, em Roma, diagnosticaram uma bronquite ao líder da Igreja Católica, que requereu a “administração de uma terapia antibiótica que produziu os efeitos esperados, com uma melhoria substancial do seu estado de saúde”, pode ler-se num comunicado citado pela Associated Press.

"Com base no curso esperado, o Santo Padre poderá ser dispensado nos próximos dias”, conclui o comunicado.

Contudo, é ainda incerto que o Papa Francisco consiga presidir a algumas cerimónias da época pascal, incluindo a principal, no dia 9 de abril. Para já, sabe-se que a missa do Domingo de Ramos vai ser presidida este domingo pelo vice-decano do Colégio Cardinalício, Leonardo Sandri.

“Sim, claro, posso confirmar que vou celebrar o Domingo de Ramos: já na passada segunda-feira fui avisado pelo mestre pontifício de cerimónias que os ritos da Semana Santa seriam cada um celebrados por um cardeal e pediram-me o Domingo de Ramos", disse Sandri à agência ANSA.

Para a principal cerimónia, a de dia 9 de abril, foi chamado Giovanni Battista Re, o decano do Colégio Cardinalício. Contudo, a imprensa italiana salienta que este cenário depende da recuperação ou não do Papa Francisco.

Continue a ler esta notícia