PSP já destruiu mais de 300 mil armas. Só este ano foram 8 mil - TVI

PSP já destruiu mais de 300 mil armas. Só este ano foram 8 mil

  • Agência Lusa
  • DCT
  • 10 jul, 16:44
Destruição de armas

Segundo dados da PSP, em 2013 foram destruídas 16.695 armas, quantidade que veio a crescer nos anos seguintes até atingir as 37.351 em 2018, vindo desde esse ano a diminuir até ao ano passado (17.936) e no primeiro semestre de 2024 se cifrou em 8.317

A Polícia de Segurança Pública (PSP) destruiu nos últimos dez anos 303.208 armas apreendidas, sendo que na primeira operação realizada este ano foram destruídas 8.317, numa empresa especializada na Maia, Porto, informou esta quarta-feira aquela força policial.

Sob o tema “Cada arma destruída não pode ser usada para matar, ferir ou intimidar”, a PSP associou-se na terça-feira ao evento mundial de eliminação de armas apreendidas, no qual participam várias agências das Nações Unidas em todo o mundo.

Entre 2013 e 2024, a PSP destruiu em Portugal mais de 303 mil armas, promovendo assim a ligação com os programas desenvolvidos pela ONU relacionados com o controlo do tráfico ilícito de armas de fogo, controlo da violência e crimes praticados por jovens com recurso a armas de fogo, e a promoção do Estado de Direito com o incentivo a programas de entregas voluntárias de armas.

Segundo dados da PSP, em 2013 foram destruídas 16.695 armas, quantidade que veio a crescer nos anos seguintes até atingir as 37.351 em 2018, vindo desde esse ano a diminuir até ao ano passado (17.936) e no primeiro semestre de 2024 se cifrou em 8.317.

Num nota esta quarta-feira divulgada, a PSP considera que um importante contributo para esta operação foram as ações de proximidade e informação realizadas pelos seus operacionais, em cooperação com a GNR, junto da população local e demais interessados.

No âmbito da responsabilidade da PSP em matéria de prevenção, pedagogia e informação relacionada com armas e explosivos realizaram-se, entre 2020 e 2023, 137 ações locais de policiamento de proximidade, promovendo licenciamentos e recolhas de armas, através da utilização de Unidades Móveis de Atendimento.

Para conseguir chegar a mais cidadãos, com especial atenção a todos aqueles que visitam Portugal durante o período de férias, a PSP, em coordenação com a GNR, realizará, entre 22 de julho a 11 de agosto de 2024, a Operação “Armas em segurança, tour de Verão”.

Desde 2020, a PSP te vindo a aumentar as ações de policiamento de proximidade e promoção do licenciamento e recolha de armas, tendo começado em 19 e realizado no ano passado 42, ano em que realizou 202 operações de fiscalização da caça, 127 de informação e sensibilização em matéria de armas e explosivos e efetuado 2.900 fiscalizações.

No âmbito deste procedimento, desde 2019 e até este ano, a PSP efetuou também a destruição de 42.595 quilogramas de munições e cartuchos recebidos ou apreendidos, bem como 881 aerossóis (gás de defesa).

Continue a ler esta notícia