Melhor marcadora do Chelsea e da Austrália vai ser julgada por racismo - TVI

Melhor marcadora do Chelsea e da Austrália vai ser julgada por racismo

Sam Kerr (Harriet Lander - Chelsea FC/Chelsea FC via Getty Images)

Sam Kerr envolveu-se numa discussão por causa da tarifa de um taxi e acabou por insultar um polícia

Relacionados

Sam Kerr, internacional australiana do Chelsea, vai a julgamento por ter dirigido insultos de teor racista a um polícia inglês, num incidente que já aconteceu há um ano. A avançada foi ouvida esta segunda-feira em tribunal e declarou-se inocente, mas o caso vai mesmo avançar para tribunal.

«As acusações dizem respeito a um incidente que envolvem um polícia que respondeu a uma queixa relacionada com o valor cobrado numa deslocação de táxi, a 30 de janeiro de 2023, em Twickenham», explicou um porta-voz da Polícia Metropolitana de Londres.

A jogadora do Chelsea foi formalmente acusada a 21 de janeiro de 2024, mas este segunda-feira, na fase instrutória, no Tribunal de Kingston, negou o teor das acusações.

Sam Kerr está, nesta altura, afastada dos relvados, a recuperar de uma lesão ligamentar contraída no estágio que a equipa feminina do Chelsea realizou, em janeiro, em Marrocos.

No Chelsea desde 2019, Kerr já marcou 99 golos em 128 jogos pela equipa de Stamford Bridge e também é a melhor marcadora da seleção da Austrália, com  64 golos em 125 jogos.

Continue a ler esta notícia

Relacionados