O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) indicou hoje que 10 pessoas foram detidas no aeroporto de Lisboa, durante o fim de semana, pelo crime de utilização de documentos falsos.

Em comunicado, o SEF precisa que os 10 detidos pretendiam embarcar com destino ao Reino Unido e à América do Norte com recurso a documentação fraudulenta.

O SEF refere também que oito dos detidos encontravam-se em situação irregular no país, pelo que vão ser alvo de processos de afastamento coercivo, após as medidas de coação que o tribunal decidir aplicar.

O SEF indica ainda que todos os detidos foram apresentados à autoridade judiciária competente para audição em processo sumário.