Martínez admite: «Se fosse a minha primeira lista, seria diferente» - TVI

Martínez admite: «Se fosse a minha primeira lista, seria diferente»

Selecionador nacional lembra que a convocatória para o Euro 2024 é o «reflexo de 18 meses»

Relacionados

Foram 26 os jogadores convocados pelo selecionador para o Euro 2024, e de fora ficaram vários nomes que podiam integrar esta lista, como Pedro Gonçalves, Francisco Trincão ou Matheus Nunes.

Ora, além de ter falado sobre a dupla do Sporting, Roberto Martínez foi também questionado sobre a ausência de Matheus Nunes, campeão inglês pelo Manchester City, em detrimento por exemplo de Rúben Neves, jogador que está atualmente na Arábia Saudita, ao serviço do Al Hilal.

«Podemos falar de competições, de patamares… o importante é que o jogador individualmente pode acrescentar à equipa. O Rúben Neves foi importante na fase de apuramento. Hoje não é um dia de fazer uma lista para o Europeu. Se fosse uma primeira lista, seria diferente. Isto é o reflexo de 18 meses de trabalho», revelou, ele que acrescentou também que nenhum jogador que não esteve presente em qualquer dos últimos seis estágios foi convocado.

«O facto de alguns jogadores não jogarem na Arábia Saudita não é um problema, é uma questão de número de minutos, de jogos, momento pessoal e o papel dentro da seleção. Para nós, o Otávio, o Ronaldo e o Rúben Neves são importantes para o nosso balneário», prosseguiu.

Antes, Roberto Martínez já havia sido questionado sobre o momento de forma de Cristiano Ronaldo: «Leva 42 golos em 41 jogos pelo clube, mostra uma continuidade, uma capacidade física de estar sempre apto e uma qualidade à frente da baliza que gostamos muito e que precisamos.»

Continue a ler esta notícia

Relacionados