Quase uma dezena de adeptos invade treino (um deles abraça Ronaldo) - TVI

Quase uma dezena de adeptos invade treino (um deles abraça Ronaldo)

Portugal abriu as portas do treino no estádio Heidelwaldstadion, em Gütersloh, onde estiveram 8210 pessoas

Relacionados

Cristiano Ronaldo continua a ser a figura maior da seleção nacional. Houve um entusiasmado exacerbado à volta do internacional português ainda nem o treino no Heidewaldstadion, em Gütersloh, tinha começado, na tarde desta sexta-feira.

«Ronaldo, Ronaldo, Ronaldo», gritava-se, nas bancadas ocupadas por 8.210 adeptos. 

Mais do que o treino, todos queriam ver o avançado do Al Nassr. Há quem tenha levado a loucura ao extremo e tenha arriscado chegar a Cristiano Ronaldo. 

Seis adeptos entraram em campo, embora a maioria tenha sido travada pelas forças de segurança (um deles com a ajuda do guarda-redes José Sá). Porém, um dos «invasores» conseguiu chegar ao capitão da seleção nacional e deu-lhe um abraço.

Pouco depois, Roberto Martinez deu por concluída a sessão de trabalho e a equipa deu uma volta de honra para agradecer a presença dos adeptos e o apoio recebido. 

Quando os jogadores se encaminhavam para o balneário, ninguém conseguiu conter os adeptos e foram dezenas os que tentaram chegar aos jogadores. Sem sucesso, diga-se.

Continue a ler esta notícia

Relacionados