«Escravo de Vila Verde»: arguidos arriscam pena até 15 anos - TVI

«Escravo de Vila Verde»: arguidos arriscam pena até 15 anos

Crime de escravidão é muito raro em Portugal

Começou esta quarta-feira o julgamento de uma família acusada de maltratar e escravizar um deficiente durante 25 anos, que ficou conhecido como «o escravo de Vila Verde», conta a TVI.

Diz a acusação do Ministério Público que a vítima, de 30 anos, foi sujeita a maus-tratos, agressões violentas e condições de vida desumanas.

Até que, em Novembro de 2004, uma equipa da Segurança Social e a GNR de Vila Verde retiraram o homem do regime de escravidão.

É um crime raro em Portugal e os quatro arguidos, primos e padrinhos da vítima, arriscam agora uma pena de prisão que pode ir até 15 anos.
Continue a ler esta notícia