Honestidade e competência. Portugueses dizem que Montenegro é o líder que tem mais caraterísticas para ser primeiro-ministro: sondagem TVI/CNN Portugal - TVI

Honestidade e competência. Portugueses dizem que Montenegro é o líder que tem mais caraterísticas para ser primeiro-ministro: sondagem TVI/CNN Portugal

  • CNN Portugal
  • AG
  • 24 fev, 20:00
Pedro Nuno Santos e Luís Montenegro no debate entre os líderes dos partidos com assento parlamentar (Lusa/ José Goulão)

Líder da AD ficam à frente de Pedro Nuno Santos noutros parâmetros, mas perdeu na firmeza e decisão e na experiência

Relacionados

Honestidade e competência. São essas as duas principais caraterísticas que os portugueses querem no próximo primeiro-ministro, de acordo com uma sondagem feita pela Duplimétrica-IPESPE para a TVI e CNN Portugal.

E, a julgar pela mesma sondagem, é Luís Montenegro, líder da Aliança Democrática (AD), quem mais reúne essas duas caraterísticas.

A honestidade é mesmo a caraterística mais relevante (72%) dos inquiridos responderam dessa forma, sendo que 49% apontaram a competência como qualidade seguinte.

Ora, o líder da AD ganha ao secretário-geral do PS, Pedro Nuno Santos, em ambas, ficando também à frente em parâmetros como a preocupação com a pobreza ou a capacidade de entendimento com outros partidos.

Já o líder socialista fica à frente na capacidade de liderança e na experiência, além da inovação. Curiosidade ainda para outra caraterística: entendem os portugueses que André Ventura é o mais firme e decidido.

Quais as caraterísticas mais importantes para o próximo primeiro-ministro?
Caraterísticas mais importantes (%)   Pedro Nuno Santos Luís Montenegro André Ventura Rui Rocha Mariana Mortágua Paulo Raimundo Rui Tavares Inês de Sousa Real
72 Honestidade 12 22 11 6 7 4 8 2
49 Competência 21 28 12 5 6 1 3 1
29 Preocupação com a pobreza 14 17 13 3 15 9 4 1
27 Capacidade de entendimento com outros partidos 28 29 8 4 4 1 4 4
24 Liderança forte 26 24 22 3 6 2 1 1
21 Firmeza e decisão 25 19 29 3 6 2 1 1
19 Modernidade e inovação 19 14 16 12 7 0 5 1
11 Experiência 38 27 5 1 3 1 1 0

FICHA TÉCNICA

A presente sondagem foi realizada pela Duplimétrica/ IPESPE para a TVI e a CNN Portugal.

As entrevistas aleatórias por cotas foram realizadas entre os dias 10 e 20 de fevereiro de 2024.

Foram recolhidas 800 entrevistas representativas do eleitorado recenseado de Portugal, com 18 anos e mais, tendo por base os critérios de género (53% mulheres e 47% homens), idade (24% com 18 a 34 anos; 33% com 35 a 54 anos; e 43% com 55 anos e mais), e região (22% Norte, 13% Grande Porto, 26% Centro, 23% Lisboa, 12% Sul e 5% Ilhas).

A margem de erro máxima é de 3,5% para um grau de confiança de 95,45%.

A seleção dos entrevistados foi realizada através de geração aleatória de números de “telemóvel”, mantendo um proporção aproximada dos três principais operadores móveis. Quando necessário, foram selecionados aleatoriamente números fixos para apoiar o cumprimento do plano amostral.

As entrevistas foram recolhidas através de entrevista telefónica (CATI – Computer Assisted Telephone Interviewing). A taxa de resposta foi de 61,07%.

O estudo teve como objetivo avaliar a opinião dos eleitores portugueses sobre temas relacionados com as eleições legislativas, a serem realizadas no dia 10 de março de 2024.

A ficha técnica completa e os resultados desta sondagem foram depositados junto da Entidade Reguladora da Comunicação Social.

Continue a ler esta notícia

Relacionados