Armando Evangelista, treinador do Arouca, comentou desta forma o desaire frente ao Sporting (1-2) nas meias-finais da Taça da Liga. Declarações na flash interview da SportTV:

«Gostei da exibição do Arouca, o Arouca nestes 97 minutos provou o porquê de estar nesta Final Four. É óbvio que o Arouca não teve o domínio do jogo, mas teve uma postura digna, soube incomodar, chegar ao último terço e marcar. Uma exibição e uma prestação que não só dignifica a Taça da Liga mas também o futebol português.»

Sobre o golo anulado ao Arouca: «Muito sinceramente, ainda não entendi. Não entendo o protocolo. Num lance em que há uma falta a nosso favor, dá-se lei da vantagem e marcámos. Depois passa a uma falta contra nós e dá golo do Sporting.»

Orgulho dos jogadores: «Quem teve a capacidade de jogar contra o Sporting, que está recheado de valores individuais fantásticos, tem um treinador que já foi campeão nacional, ter bola, circular, criar incerteza até final, tenho de estar orgulhoso dos meus jogadores.»

Redação Maisfutebol