Temperaturas caem até seis graus a partir de hoje. Ah, e a chuva está de volta - TVI

Temperaturas caem até seis graus a partir de hoje. Ah, e a chuva está de volta

  • CNN Portugal
  • DA
  • 11 out 2023, 08:30
Bom tempo

Na sexta-feira regressa a chuva, particularmente no Norte e Centro do país

Relacionados

É já nesta quarta-feira que as temperaturas vão começar a descer. Segundo adiantou à CNN Portugal Madalena Rodrigues, meteorologista do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), prevê-se uma descida gradual de três a seis graus Celsius da temperatura máxima, entre hoje e sexta-feira. A partir de sexta-feira espera-se mesmo chuva nas regiões Norte e Centro.  

Após uma onda de calor por toda a Europa, com Portugal a registar temperaturas acima da média, os valores vão manter-se acima dos normais para o mês de outubro. Ou seja, os termómetros vão baixar para os 24 graus no Norte e para os 29 no Centro, de acordo com o IPMA.  

No Sul do país a descida não será tão acentuada, esperando-se “descidas entre os dois e quatro graus Celsius”, com as temperaturas a não irem além dos 26 graus.

"Na temperatura média semanal, preveem-se valores acima do normal para todo território em todas as semanas: de 09/10 a 15/10 com o valor de +3 a 10°C, de 16/10 a 22/10 e de 23/10 a 29/10 com o valor de +1 a 3°C e de 30/10 a 05/11 com o valor de +0.25 a 3°C", pode ler-se no boletim mensal das previsões do IPMA.

Esta descida gradual de temperatura "deve-se a várias ondulações frontais”, que antecipam a chegada da chuva no final de semana. As ondulações frontais são "depressões provocadas pelas diferentes massas de ar que ao entrar em contacto com a superfície causam a condensação do ar", isto é, precipitação.

Para o mês de outubro o IPMA prevê, ainda assim, que vai continuar a chover pouco no Sul e mais do que seria previsto a Norte.

"Na precipitação total semanal, prevêem-se valores abaixo do normal (-10 a -1mm) para a região Sul na 1.ª semana, de 09/10 a 15/10. Preveem-se valores acima do normal (+1 a 30mm) para as
regiões a norte do sistema montanhoso Montejunto Estrela na 1.ª semana (09/10 a 15/10) e para todo o território na 2.ª semana (de 16/10 a 22/10). Nas semanas de 23/10 a 29/10 e de 30/10 a 05/11
não é possível identificar a existência de sinal estatisticamente significativo", consta no boletim.

Continue a ler esta notícia

Relacionados