VÍDEO SEGUINTE
Descrição

Mais de 10.000 palestinianos mortos, pelo menos 1.400 israelitas mortos e mais de 200 reféns: passou um mês desde os ataques do Hamas

Assinala-se esta terça-feira um mês desde que o conflito entre o Hamas e Israel reacendeu, com um massacre de 1.400 israelitas pelas brigadas de Al-Qassam, braço armado do movimento islâmico.

Desde então, o exército de Israel prometeu que não vai parar com os bombardeamentos até acabar com as estruturas do Hamas na Faixa de Gaza.

No fogo cruzado, muitas vítimas, muitos civis. São pelo menos 10.000 mortos palestinianos, entre os quais milhares de crianças.

7 nov 2023, 07:06
Últimos
Últimos