VÍDEO SEGUINTE
Descrição

Paramilitares anti-Putin negam 70 baixas e ameaçam fazer mais ataques na Rússia

Os paramilitares russos anti-Kremlin que fizeram a incursão em Belgorod, prometem voltar a atravessar a fronteira e atacar na Rússia. 

O líder de uma das milícias desmente as 70 baixas mortais que Moscovo diz ter infligido, e garante que os atacantes tiveram apenas dois homens caídos em combate. 

Denis Kapustin nega também ter usado veículos blindados americanos, como denuncia o Kremlin. 

24 mai 2023, 23:28
Últimos
Últimos