VÍDEO SEGUINTE
Descrição

Provedor do cidadão com deficiência de Marco de Canaveses acusa autarquia de não lhe querer pagar

À semelhança de muitas autarquias, a Câmara do Marco de Canaveses tem um provedor do cidadão com deficiência para a promoção e garantia dos direitos destes munícipes. O problema é que o provedor, ele próprio cego, queixa-se de que desde que tomou posse, em 2021, nunca lhe pagaram um ordenado. Apesar de isso constar do estatuto do provedor aprovado pela Câmara e por ele assinado quando tomou posse.

25 abr 2023, 14:44
Últimos
Últimos