VÍDEO SEGUINTE
Descrição

Uma semana em Lisboa, outra em Leiria. Esta era a vida de um menino de seis anos com os pais separados

O Tribunal da Relação de Coimbra entende que não foi respeitado o superior interesse da criança, num caso de pais divorciados que queriam que o filho vivesse e estudasse alternadamente entre Lisboa e Leiria. O pai e a mãe vivem a 130 km de distância, o menor teria de trocar de residência e escola todos os anos. O tribunal rejeitou a decisão.

22 abr, 14:05
Últimos
Últimos