NESTE EPISÓDIO...

Bruno, Inácio e Constança falam com Raquel e Carlos sobre o desaparecimento dos filhos e os inspetores ficam a saber que Elisa foi internada.

Elisa acorda, e repara que está presa à cama e começa a berrar e a chorar em desespero.

Carlos diz a Bruno que ele e Elisa serão formalmente acusados e pergunta a Constança desde quando é que ela soube o que se estava a passar e ela não responde.

Raquel comenta com Carlos que sente que Constança está a esconder muita coisa. Mário vai ao café pedir ajuda a Ana, que se mostra magoada com ele.

Alexandra chega ao atelier e lamenta-se por ter chegado atrasada e fica a saber que Bruno e Inácio ainda não chegaram.

Inácio conta a Olívia que Sebastião e os primos estão desaparecidos. Olívia fica preocupada, pensando que Elisa poderá estar no esquema do desaparecimento. Inácio tenta acalmá-la e conta que Elisa foi internada.

Mário pede ajuda a Ana, e ela diz-lhe que vai ter que se livrar de Dulce e prontifica-se a fazer um plano para acabar com ela. Dulce pede a Rosário para falar com Rui, pois quer uma declaração sobre o internamento de Elisa.

Chegam Rui e Francisca e este põe a jornalista na rua. Elena entra no Bar de Strip e depara-se com o corpo morto de Faustino.

Carlos faz ponto situação a Tiago, Raquel e dois inspetores sobre o desaparecimento dos primos e de apanhar Zé Lenka.

Elena liga a Carlos e diz-lhe que Zé Lenka matou Faustino. Raquel fala ao telefone com Constança e diz-lhe que se os filhos lhes roubaram os cartões de crédito, é porque tinham um plano de fuga.

Raquel pede para não cancelarem os cartões porque é a única maneira, para lhes seguir o rasto.

Entretanto Carlos pede a Raquel uma equipa para ir para o Bar de Strip. Constança conta que Gonçalo, Matilde e Sebastião fugiram e Rui diz-lhe que Elisa está internada, e que Marta o aconselhou a não receber visitas.

Zé Pedro vai a passar e Constança pede para falar com ele. Inácio e Bruno chegam juntos ao atelier e Alexandra quer saber se há novidades sobre os respetivos filhos.

Elena diz a Carlos que a culpa é dela e assente a falarem fora dali. Constança pede ajuda a Zé Pedro para contratar um detetive e descobrir onde é que os filhos estão.

Francisca e Rui aparecem na clínica para verem Elisa, e Marta volta a dizer-lhes que Elisa não pode receber visitas.

Carlos, Tiago, Raquel e Afonso fazem o ponto da situação sobre Zé Lenka. Sebastião, Matilde e Gonçalo leem atónitos a notícia de Elisa ter sido internada numa clínica pelos pais, e concordam que têm de ajudar a prima a fugir de lá.

Os primos discutem como vão conseguir entrar na clínica sem serem vistos para resgatar Elisa.

Matilde sopra o ar agastada por Sebastião e Gonçalo concordarem terem mesmo de recorrer aos serviços de Doninha, para descobrirem o quarto de Elisa.