Ljubomir transforma negócios e revoluciona vidas!

O chef líder de audiências que cativou os portugueses com a sua personalidade vincada e com o lado humano que até então era desconhecido.

Ljubomir tornou-se um «habitué» nos serões de domingo da televisão portuguesa há já quatro anos e nem assim deixa de surpreender o público e os fãs do programa.

Nesta terceira temporada, conforme o «expert de cozinha» assumiu, o foco não foi encontrar baratas ou alimentos podres, mas sim, ajudar seres humanos a recuperar a alegria.

Temido por muitos e amado por outros, Ljubomir, não hesitou na hora de eliminar os vícios negativos dos proprietários e funcionários e, a sua psicologia invertida, foi sempre sinónimo de êxito garantido.

Se recuarmos no tempo, certamente nos lembramos das mudanças que o chef conseguiu fomentar no comportamento das famílias, como por exemplo, na relação de Zé Carlos com o pai de Fátima (que ao fim de vários anos de costas voltadas, fizeram as pazes no dia da inauguração), na relação de Hugo com Vânia (que maltratava a mulher no local de trabalho) ou ainda, no caso de Justa e Mário que receberam os maiores aplausos de Ljubomir pela dedicação extrema e pela generosidade com que receberam todos os ensinamentos dados.

Mas, muitos são os episódios de sucesso que fazem com que o “líder das cozinhas” não seja apenas cozinheiro mas sim um «porto seguro» para todos aqueles que privam com ele.