NESTE EPISÓDIO...

Glória (Kelly Bailey) continua desaparecida. Fábio (Pedro Tavares) consegue apanhar o sinal do telemóvel da rapariga e percebe que ela está entre Setúbal e Palmela. Fredy (Lourenço Ortigão) está decidido a ir procurá-la.

Graça (Sandra Faleiro) está a beber gin com Lídia (Joana Seixas) e confessa à amiga que pediu o divórcio a Mário (Vítor Hugo) e que encontrou James (Graciano Dias) com outra mulher. Graça desmaia e Beatriz (Catarina Bonnachi) e Carolina (Margarida Corceiro) ficam pasmadas com o seu estado.

Uma enfermeira cuida de Diogo (Paulo Pires), que aproveita uma breve distração da rapariga para agarrar um bisturi. Monique (Benedita Pereira) aparece de arma na mão e consegue comandar a situação. Diogo já percebeu que Monique pertence aos serviços secretos, mas quer saber quem ela é afinal.

Teresa faz a mala e diz que precisa de tempo para pensar sobre o seu casamento. Quando vai a sair de casa, Fátima (Rita Ribeiro) barra-lhe a passagem e tira-lhe o filho dos braços. Omar, atraído pelo barulho, vai à sala e pede à mãe que devolva o bebé a Teresa.

As duas entram numa discussão acesa mas Omar intervém. Teresa instala-se no hotel, ainda nervosa com o que aconteceu em casa de Omar, e pensa no que fazer em relação a Fátima, acabando por dizer a Vítor que pelo filho se tornou mais forte.

Glória apanha boleia de uma senhora idosa. Passado algum tempo, a senhora decide fazer uma paragem para lanchar e entra numa garagem, a porta fecha-se e fica tudo escuro.

Glória (Kelly Bailey) está amarrada e sentada num colchão. A senhora idosa aparece com uma postura completamente diferente daquela com que a abordou inicialmente.

Quando Glória percebe que vai apanhar tomate em troca de alimentação e de abrigo fica boquiaberta.

Teresa (Joana Ribeiro) estranha que o comandante ainda não tenha dado notícias e Vítor (Diogo Infante) volta a dizer que aquela história não o convenceu.