Samira (Vera Kolodzig) internou Fátima (Rita Ribeiro), contra a sua vontade, numa clínica psiquiátrica. A mãe de Jamal deitou umas gotas misteriosas no chá da mãe de Omar (Carloto Cotta), fê-la adormecer, e quando Fátima despertou já estava sob cuidados médicos.

O plano da amante de Murilo (Cassiano Carneiro) é mantê-la interditada, como se estivesse demente, para poder avançar com o processo de recuperação da herança de Bashir (Diogo Mesquita), e para garantir que esta avó magoada não entregará Jamal como culpado pela morte de Omar e de Teresa (Joana Ribeiro).

Todos estranham o sucedido e Vítor (Diogo Infante) não acredita no quadro de saúde da muçulmana, uma vez que na última conversa que mantiveram ficou com a certeza de que Fátima está lúcida. A avó de Jamal tem tentado debater-se para não tomar a medicação, mas não consegue libertar-se das amarras da maldade.

No limite das suas forças, mas com fé e esperança na verdade, Fátima enfrenta Samira e garante-lhe que não conseguirá mantê-la presa, ali, para sempre. Será verdade?

Não perca os próximos episódios e visite as contas oficiais de Facebook e Instagram.