Descontrolado, Marcos ataca Lucas

24 out 2020 00:00

Lucas (Filipe Vargas) pede a Ana (Madalena Aragão) que vá ter com Carlos (João Vicente) para acalmá-lo e decide ir resolver as coisas com Marcos (Pedro Teixeira). Lucas expulsa Rita (Maya Booth) e Marcos de casa, mas Marcos provoca-o, até que João (Isaac Alfaiate) chega e consegue expulsá-lo. Madalena (Anna Eremin) assiste e abraça-se a João, orgulhosa.

Rita ajuda Marcos a entrar para o carro e avisa-o que não se divorcia naquele momento por ele estar naquele estado. Ele olha para a herdade, como se fosse uma despedida.

Vitória (Sara Barradas) encoraja Camila (Núria Madruga) a apresentar queixa, quando são interrompidas por Carlos. Camila agradece-lhe e ele declara-se, mas ela avisa que voltou para o ex-marido.

Enquanto Pilar (Maria Marques) e Diogo (Luís Henrique) brincam, Rita entra com tabuleiro para Marcos, que manda o tabuleiro pelo ar e começa a discutir. Rita acredita que a culpa de Marcos andar stressado é das crianças. Marcos recorda a tareia que levou, deixando-o impotente.

Nuno (Diogo Lopes) convence Sandra (Marta Faial) a recorrer pelas crianças, pois acha que é o momento ideal. Sandra fala nas tareias que Marcos tem levado. Nuno mente e diz não ter nada a ver, mas que é merecido.

Marcos arrasta-se com dificuldade, pede a Rita para tratar do banho dos filhos, Rita avisa que são da responsabilidade dele.

Hugo (Rodrigo Paganelli) e Sandra discutem sobre Hugo não saber fazer nada em casa porque Joana (Marina Mota) faz tudo. Esta, ofendida, mete-se na discussão e acaba por falar na alimentação das crianças. Sandra agradece a hospitalidade, mas informa que vai sair de casa.

Hugo vem do quarto com uma mala e avisa os pais que vai viver com Sandra, deixando Joana desgostosa.

Marcos tem um pesadelo com Bazuca, acorda aos gritos, deixando Rita alarmada.

Sandra fica feliz por Hugo estar determinado a ficar do seu lado, quando recebe chamada da professora a avisar que Diogo tem nódoas negras e está a chorar.

Marcos e Rita questionam Joana sobre onde estão Sandra e Hugo, que foram buscar as crianças sem autorização e Joana avisa que já não moram ali.

Marcos e Rita perguntam a Lucas onde estão as crianças e Lucas manda-os sair dali. Marcos convencido que foi Lucas a pagar a Bazuca, ataca-o com um atiçador e Lucas começa a sufocar.

Isabela (Inês Herédia) vai a uma farmácia, compra um teste de gravidez e guarda-o numa gaveta do quarto.

Lucas está a sufocar. Machado (Pedro Hossi) chega e algema Marcos, enquanto Nuno chama uma ambulância para Lucas.

Marcos começa a vomitar sangue para horror de Rita, Nuno e Lucas.

Marcos está na maca, com dor física profunda, acompanhado por um paramédico e recorda momentos com os irmãos. Suspira como se percebesse que perdeu tudo por sua culpa.

Diogo e Pilar lancham e Sandra mostra-se determinada que Marcos nunca mais volte a ver os filhos.

No estúdio de gravação, Alfredo (Luís Esparteiro) canta fado a olhar para a fotografia de Joana, para estar inspirado.

Lucas e Vitória estão felizes por estarem a cumprir os seus planos e são interrompidos por Ana e Camila. Felicitam Ana por ter passado de ano e pedem a Camila que fique para assistir ao casamento.

Carlos quer ter a cabeça ocupada para não beber e João chama-o para organizarem algo.

Estão todos reunidos para a despedida de solteiros de Vitória e Lucas. Maria lamenta que aquela não seja a festa que desejou para Vitória. Joana aproveita e brinda também a Alfredo, que anda a gravar um CD.

Diogo e Pilar pedem para voltarem a viver com Sandra e contam que Rita quase batia em Pilar.

Sandra conta a Machado a história dos sobrinhos e indica que há provas no telemóvel de Marcos.

Lucas e Vitória acordam felizes e preparados para o grande dia. Vitória apressa-o, porque precisa de tempo para se arranjar.

Camila termina de arrumar as suas roupas nas malas, está triste, mas decidida.

Machado vê telemóvel de Marcos e comprova que as crianças tinham razão. Mostra o vídeo a Marcos, onde se vê Rita a esmagar vidro. Machado informa que Rita está detida pela tentativa de homicídio a Marcos.

Mateus fixa o crucifixo, recorda quando Esperança lhe deu uma arma e vê o jornal com a notícia do casamento de Lucas e Vitória. Mateus está determinado a ir ajustar contas.

*******************************************************