Vitória entra no jogo doentio de Mateus

14 jul 2020 00:00

João (Isaac Alfaiate) pergunta a Sandra (Marta Faial) e Carla (Ana Sofia Martins) o que sabem de Mateus. Sandra conta que ouviu uma conversa entre Marcos e Mateus em que disse que Carlos tinha de ser abatido, porque sabia de algo que não devia. João fica em choque.

Mateus entrega água a Vitória, quando recebe uma chamada de Catarina, que o avisa que vai demorar mais do que o previsto, ordenando que ele não faça nada até chegarem. Vitória pede para ele a soltar, alegando que tem ali a oportunidade de se tornar numa pessoa melhor. Mateus quer recuperar as memórias dos dois, juntos, onde ninguém os incomode e volta a pressionar o pano no rosto da enfermeira.

João despede-se, quando é intercetado por Isabela (Inês Herédia) que não acha justo que ele ande a falar mal do irmão, e indica que Carlos também os acusou de violação. João manda-a estar atenta.

Carlos fica maldisposto por Maria (Mafalda Marafusta) se ter feito passar por namorada dele para o visitar, deixando Maria sentida.

Hugo e Madalena (Anna Eremin) brindam animados por não terem de esconder o namoro. Patrícia (Leonor Seixas) aproxima-se e pergunta por Carlos. Hugo conta que possivelmente volta para casa no dia seguinte e que alguém contratou um advogado para o defender. Alfredo (Luís Esparteiro) desconfia de que tenha sido Lucas (Filipe Vargas) para se redimir. Patrícia sai abalada com o que ouve.

Vitória, desesperada, tenta libertar-se. Mateus obriga-a a comer uma maçã para lhe abrir o apetite.

Marcos recebe Álvaro (Fredy Costa) e este indica que precisa de falar com ele sobre Rita (Maya Booth). Enquanto Marcos vai à cozinha, Álvaro liga a Rita para ouvir a conversa. Álvaro conta que está a separar-se, que apaixonou-se por Rita e oferece-lhe dinheiro para se afastar dela. Marcos sente-se ofendido e não aceita, deixando Álvaro desiludido.

Vitória avisa que Cartaxana e Maria não sabem de nada e que tem um vídeo a denunciar os Santa Cruz, que será entregue à polícia caso não volte a casa. Mateus insiste em saber onde está o vídeo.

Joana (Marina Mota) tenta distrair-se. Alfredo chega, diz-lhe que ela é a melhor mãe que podia ter escolhido para os seus filhos e abraça-a.

Patrícia desabafa com Maria, dizendo que contratou um advogado para o filho de Alfredo. Maria manda-a procurar outro homem, mas Patrícia desvaloriza a diferença de idades, confiante de que vai conquistá-lo.

Mateus começa a perder a paciência com Vitória, pega num alicate e dirige-se a ela. Vitória pede para ele a soltar, alegando que vai contar-lhe a verdade e se estiver solta e que consegue dar-lhe mais prazer.

Mateus avisa Vitória (Sara Barradas) que se tentar fazer alguma coisa a mata, e acaba por soltá-la. Vitória, sedutora, beija Mateus. O Santa Cruz recua e desfere uma pancada na cabeça da enfermeira, deixando Vitória inanimada.

Lucas conversa com João (Isaac Alfaiate) e acha absurdo que ele tenha mudado de opinião em relação a Mateus. João conta-lhe que nem tudo é o que parece.

Catarina, sentada na sala de espera de um hospital, envia uma mensagem a Mateus a avisar que vai ficar mais umas horas em Lisboa.

Mateus observa Vitória, que continua desmaiada, e responde à mãe, dizendo que Vitória está a dormir e desliga o telemóvel.

Rita (Maya Both) chega e Marcos afasta-a, contando-lhe que Álvaro (Fredy Costa) lhe fez uma proposta para se afastar dela, que não aceitou porque quer recuperar a Herdade e pergunta-lhe se andou a dormir com Álvaro. Rita, desolada, confirma.

Maria (Mafalda Marafusta) serve Ana (Madalena Aragão) e pergunta por Vitória. Ana avisa que ela fica a dormir em casa de uma amiga em Lisboa. Maria fica desconfiada.

Mateus volta a prender Vitória, que continua desmaiada. Mateus, ao seu lado, está de joelhos e reza fervorosamente.

Rita diz a Marcos que só se envolveu com Álvaro para conseguirem recuperar a Herdade e pergunta o porquê de tanta raiva. Marcos não quer ser cornudo como o irmão. Rita vai parar de estar com Álvaro, só precisa de ir buscar o contrato e de entregá-lo a Catarina.

Lucas recorda quando viu Carlos com o punhal na mão e a conversa que teve com Vitória sobre Mateus. Lucas continua a procurar algo que comprove que Mateus voltou a andar, mas não encontra, e sai.

Rita, arranjada para ir ter com Álvaro, tenta aproximar-se de Marcos, mas ele manda-a ir acabar com isto de uma vez por todas. Furioso, Marcos parte um copo e recebe uma mensagem de Catarina a avisar que está despachada.

Alfredo (Luís Esparteiro) avisa Joana (Marina Mota) que vai até ao café desanuviar. Joana pede-lhe para não regressar tarde. Alfredo fica feliz com as palavras da mulher.

Catarina diz que precisa de se ir embora. Contrariado, o médico acaba por deixá-la sair, temendo pela saúde dela.

Patrícia (Leonor Seixas) conta a Alfredo que foi ela quem contratou o advogado, e ele pede um microfone e uma guitarra.

João pede a Hugo (Rodrigo Paganelli) para ouvi-lo, porque estava errado ao denunciar Carlos (João Vicente). Hugo conclui que defendeu o irmão e vira-lhe as costas.

Alfredo começa a cantar com Patrícia sentada junto dele. Joana chega e Alfredo sorri. Patrícia não repara na presença de Joana e pensa que o sorriso é para ela.

Elvira (Ana Bustorff) fuma um charro, confortavelmente. A governanta é apanhada por Maria (Mafalda Marafusta), que quer tirar-lhe o charro para fumar também. Elvira, sem energia para discussões, deixa-a fumar.

Alfredo termina de cantar, sai do palco de braços estendidos para Joana. Patrícia, entusiasmada, pensa que vai na direção dela e fica desiludida ao perceber que Alfredo vai abraçar a mulher.