Constantino

Interpretado por António Melo
Já todos ouviram falar da "pessoa certa no lugar certo"? Já do Constantino é que não.

Homem nos 50, ex-empregado de mesa e atual dono do Hostel. Casado com Íris. Trambiqueiro, engana os clientes colocando fotos da net a anunciar o seu hostel todo podre. Vende quartos deluxe superior quando na realidade são camaratas partilhadas por residentes habituais. Tem uma admiração enorme pela mulher, que ele acredita que é um talento da hotelaria. Na sua opinião, o único defeito dela é ser “demasiado” séria, coisa que ele se orgulha de também ser, mas desde que isso não o prejudique. O seu lema é “Seriedade sim senhor, desde que não seja a meu desfavor”. O único que o entende é Tavares e juntos formam aliança, não só contra o Engenheiro Pedrosa, que também passa a vida a enviar notificações sobre as condições de habitabilidade para o Hostel, mas para tentar descobrir que construção é aquela ao fundo da rua.