Novos rivais? 'Verniz estala' entre Carlos Sousa e Bruno Savate com provocações constantes - TVI

Novos rivais? 'Verniz estala' entre Carlos Sousa e Bruno Savate com provocações constantes

  • TVI Reality
  • 7 fev, 19:00

Os dois concorrentes têm tido confrontos cada vez mais frequentes na casa. Saiba tudo!

Relacionados

Com a desistência de Miguel Vicente, o jogo tomou um novo rumo e parece que há novas rivalidades a virem à tona, nomeadamente entre Carlos Sousa e Bruno Savate. Os dois concorrentes têm trocado provocações, num ambiente cada vez mais tenso.

Tudo começou esta terça-feira, numa atividade em que os concorrentes tinham de ler mensagens escritas pelos colegas de forma anónima. Savate leu a sua: «Pessoa mais irónica da casa sem leitura como jogador, não és real».

«Eu sou irónico sim, mas acho que essa pessoa não deve ter nenhuma leitura de jogo para considerar que eu não tenho leitura de jogo», comentou o concorrente, mostrando-se desagradado com aquilo que leu.

Carlos Sousa admitiu logo ser o autor dessas palavras: «Fui eu que escrevi isso, o real não é de não seres real, o teu jogo é que não é real. Vê-se perfeitamente o controlo que tens que ter aqui dentro e quando as pessoas tocam no ponto exato tu perdes essa realidade toda», explicou.

«Tu tentas ser real, engraçado, levar para a ironia, mas qualquer um aqui da casa sabe o que fazer para te tirar o sapato», acrescentou, esclarecendo ainda outro ponto da sua mensagem: «Sem leitura de jogo, não és tu que não lês os outros, uma pessoa não te consegue ler a ti, porque não sabe quando estás a brincar ou a falar a sério».

Bruno Savate respondeu às acusações de Carlos Sousa e a tensão aumentou entre os dois: «Se as pessoas não têm uma leitura do meu jogo, não me conseguem analisar, eu acho isso fantástico». Carlos ripostou: «Não é credível, ninguém te leva a sério» e Savate reagiu: «Eu já te desvalorizo completamente».

Mas as picardias não ficaram por aqui. Na manhã desta quarta-feira, Bruno Savate não poupou críticas a Carlos Sousa: «Para mim és um torero camuflado aqui dentro. A partir de ontem ao final da tarde ele revelou-se. Começou-se a insurgir contra mim do nada com argumentos inválidos», começou por dizer o concorrente. 

«És-me completamente indiferente.  A partir do momento em que tens duas caras, para mim, perdes toda a credibilidade aqui dentro do jogo», acrescentou ainda Bruno Savate, dirigindo-se a Carlos Sousa.

Carlos Sousa começou por responder com ironia ao colega: «Descobriram-me a careca. Eu andava aqui camuflado». De seguida, o concorrente afirmou que o colega, se tem essa opinião, não está atento ao jogo.

Os dois concorrentes entraram em bate-boca e Carlos Sousa não poupou palavras ao colega: «Estás mais tempo a dormir do que acordado. (…) Estás aqui não sei a fazer o quê. Só mesmo a ocupar espaço». Bruno Savate reagiu com risos.

O ambiente permaneceu tenso na sala, enquanto Bruno Savate e Carlos Sousa trocavam acusações. «Continua. Estás num bom caminho. A Maia te espera», disse Bruno Savate a Carlos Sousa, insinuando que o colega irá ser expulso do jogo.

ah

Para além deste confronto, na tarde hoje, Bruno Savate e Carlos Sousa voltaram a trocar acusações e provocações: «Fiquei realmente desiludido (…) és uma moeda, tens duas caras (…) não jogas limpo», disse Savate, confrontando Carlos. 

O concorrente defendeu-se e argumentou contra o colega e depois de uma longa conversa, sempre num tom calmo, os dois provocaram-se e combinaram manter apenas o contacto «básicozinho»: «Bom dia, boa tarde, boa noite», de forma «cordial» e nada mais. 

 

Continue a ler

Relacionados