NESTE EPISÓDIO...

Luís vai a casa de Camilla e pergunta pelo juiz por querer entregá-lo à PJ. Bruno diz que a mãe se vai entregar e conta que ela era a cabecilha da rede de tráfico humano.

Camilla prepara-se para sair, mas antes grava uma mensagem para Artur, revela que o ama mais que tudo na vida e nunca faria nada para o magoar. Conta ainda que Camilinha não é filha deles e que vai entregar-se à polícia.

Camilla chega à sala e diz que está pronta para ir e fica surpreendida de ver Luís, e este pergunta-lhe se foi ela que mandou ligar a Vasco a dizer que havia um rim para Carolina. Marcelo chega ao hospital e Vasco informa-o que Vitorino foi levado para o bloco operatório.

Marta entra em casa suja de sangue e conta que caiu de bicicleta e Papa e o Guarda ficam desconfiados. Camilla acaba por revelar a Luís que teve pena de Carolina, mas não teve culpa da trapalhada que aconteceu com Dalva. Aisha chega e acusa Camilla e vinca que não acredita que foi um acidente a morte de Alexandre. Vítor chega à casa de Camilla de arma em punho e Horácio reconhece-o.

Dalva e Leo também chegam e Leo reconhece Vítor, e Dalva tenta atropela-lo e depois sai do carro com a arma de Leo e ameaça Vítor. Leo pergunta a Vítor o que é que está ali a fazer, com este a assentir que se Camilla for presa, todos vão presos.

Horácio atinge Dalva e Leo com um dardo anestesiante e Horácio diz que ajuda Vítor, se ele o ajudar a negociar com o chefe. Aisha não acredita em Camilla. Horácio entra e atinge Carlos, Bruno e Aisha com um dardo anestesiante e levam Camilla, também ela adormecida.

Vítor e Horácio metem Camilla na carrinha e após trocarem algumas palavras, Horácio saca da arma e mata Vítor com um tiro na cabeça. Entra na carrinha e arranca a toda a velocidade. O chefe da PJ pergunta pelo juiz brasileiro e nesse momento Dionísio chega e pede para falar com ele a sós. Artur pega no seu telemóvel e vê que tem uma mensagem de Camilla.

Em casa de Camilla, todos continuam inconscientes. Júlia está chateada por ninguém atender o telemóvel e Artur conta que Camilla lhe deixou uma mensagem a dizer que se vai entregar e mostra a Júlia a parte em que ela diz que Camilinha não é filha deles.

O inspetor diz que Piedade vai ficar detida e vai registar o depoimento de Eugénio. Marcelo conta que não foi possível fazer a reconstrução do pénis de Vitorino, pois não encontraram o que falta. Chega a polícia e pergunta a Marcelo se suspeita de alguém.