NESTE EPISÓDIO...

Dalva e Jaques brincam com Patrick, Michelle chega e fica com ciúmes e vinca que já não gosta daquele acordo.

Todos estão preocupados, pois acham que se vai comentar o que Carolina fez e ela decide ir falar com o médico.

Cláudia recebe chamada de vizinha que lhe conta que a porta dela foi arrombada e ela decide chamar a polícia.

Dalva fica furiosa ao saber que Leo ligou a Michelle e ela conta que esteve a maquilhar Bruno para parecer que tinha sido agredido.

Dalva decide ir a casa de Camilla atrás dele, e Jaques e Michelle vão atrás.

Vasco e Luís decidem ir a casa de Cláudia e esta permanece inconsolável, sem saber o que fazer.

Carlos e Joaquim veem Bruno e Horácio a chegar e Carlos percebe que Bruno não parece bem e decidem aproximar-se da entrada da casa. Bruno chega com Horácio, fingindo estar muito mal e Camilla tranca a porta de casa sem Horácio perceber.

Bruno dá uma cabeçada a Horácio que é apanhado desprevenido e Leo aparece com a arma apontada a ele.

Cláudia liga a Becas e diz-lhe para sair de casa e Cidália sugere irem para casa de Dalva, mas primeiro vai a casa de Vasco, tentar perceber o que se passa.

Bruno diz ao pai que está com muita raiva dele e Camilla pergunta onde está Artur, e Horácio nega saber do seu paradeiro.

Leo entra com o juiz e Camilla pergunta-lhe se foi Horácio quem encomendou a sentença de Artur e o juiz confirma.

O carro onde está Artur chega e Carlos e Joaquim tentam perceber quem é. Artur conta que ali mora Camilla e Papa fica surpreendido e vinca estar na hora de pegar nas armas e avançar.

Horácio continua a dizer que não sabe de Artur, nem tem nada a ver com o que lhe aconteceu, e o juiz vinca que ele está a mentir.

A porta explode e Horácio consegue soltar-se e pega na arma de Camilla. O Guarda, Artur e Papa entram, com Artur a vincar terem muitas explicações para lhe dar.