O desespero de uma mãe que tem um filho 100% dependente: «Nasceu com duas voltas do cordão umbilical enrolado no pescoço»

11 jul, 16:41
O desespero de uma mãe que tem um filho 100% dependente: «Nasceu com duas voltas do cordão umbilical enrolado no pescoço» - TVI

No «Goucha», ouvimos o testemunho de Mara Ferreira. Mara Ferreira e Nelson Ferreira foram pais de Filipe em 2005. O menino veio juntar-se a Daniela, a filha mais velha do casal, na altura com cinco anos. A gravidez correu dentro da normalidade pelo que nada fazia prever o que aconteceria a seguir.

O menino nasceu com o cordão umbilical à volta do pescoço e terá ingerido líquido amniótico, o que obrigou a um internamento de nove dias. Ainda assim, nada foi detetado e o casal acreditou que o pior já tinha passado. Mas não. Pouco tempo depois, descobriram que o filho era cego e a malformação ocular devia-se a uma doença bem mais grave e rara, denominada Síndrome de Norrie.

Filipe tem 18 anos e não vê, não anda e não fala. Mara dedicou-se exclusivamente ao filho e, com o papel de cuidadora, veio a depressão. Com os anos, tem conseguido combatê-la, mas com a pandemia, a depressão atingiu-a de forma mais violenta. Começou a automutilar-se e a vontade de viver desapareceu. Hoje, ainda luta contra a depressão e é no marido, nos filhos e na fé que tem reunido forças para enfrentar mais um dia.  

Em estúdio, Mara explica-nos como a vida da família mudou após o nascimento do filho.