15 mar 2019 13:13

Funcionário público violou enteadas, espancou a mulher e ficou livre

As agressões duraram cerca de cinco anos. A mãe, também vítima, dependia financeiramente do agressor e, por isso mesmo, nunca o denunciou. O agressor foi agora julgado e posto em liberdade.