Como lidam os pais com as perdas gestacionais?

  • 22 nov 2021, 18:30

No «Goucha», conhecemos a história de dois casais que tiveram de superar a dor de perder um filho durante a gravidez.

Gonçalo e Vânia sempre quiseram ser pais e iriam concretizar esse sonho, uma vez que Vânia engravidou. Tudo correu bem até à sétima semana de gestação, quando deixou de sentir o bebé. 

Depois de um parto que pôs em risco a vida da mãe, o Santiago nasceu sem vida. Vânia quis pegar no seu bebé e Gonçalo, apesar de hesitante, também o fez. Até hoje, os pais dizem estar de luto e acreditam que este irá durar para sempre. Vânia está, hoje, grávida de 19 semanas.

A história de Rui e Cibele remonta aos tempos de escola primária, onde se conheceram antes do amor surgir, aos 30 anos. Rui já tinha uma filha de uma relação anterior e Cibele sempre disse não querer ter filhos. Ainda assim, um ano depois nascia Eva, a primeira filha do casal.

No entanto, após esse nascimento, Cibele viria a ter 5 abortos espontâneos e ser diagnosticada com trombofilia. A doença pode estar na origem dos múltiplos abortos. O casal afirma ter lidado com a dor de diferentes formas e até isolando-se. Rui admite ter-se refugiado no trabalho. Cibele afirma que não irá esquecer o terceiro aborto espontâneo, em que conseguiu segurar o filho.

MAIS

Mais Vistos

Mais Vistos Dois Às 10

Receitas

Fotos

Vídeos