Três polícias ficaram feridos na noite de segunda-feira durante duas intervenções policiais num bairro da freguesia de Carnide, em Lisboa, após serem chamados por deflagração de engenhos pirotécnicos, informou esta terça-feira o Comando Metropolitano da PSP.

Em comunicado, o Comando Metropolitano de Lisboa da PSP (Cometlis) refere que os três agentes ficaram feridos durante duas intervenções policiais no bairro da Horta Nova, que resultaram na detenção de uma pessoa.

De acordo com a mesma fonte, os agentes foram chamados, pelas 23:00 de segunda-feira, ao bairro da Horta Nova devido à deflagração de engenhos pirotécnicos.

“À chegada ao local, os polícias foram injuriados, o que motivou uma primeira intervenção policial, da qual resultou um indivíduo detido, por agressão a um dos polícias”, adianta a nota.

O detido seria transportado para instalações policiais fora da Horta Nova, mas, de acordo com a PSP, houve necessidade de uma segunda intervenção neste bairro, devido à tentativa de novas agressões.

“Durante esta intervenção foram efetuados disparos de munições menos letais, com o intuito de dispersar os suspeitos da prática dos ilícitos”, explica a PSP.

Os três polícias necessitaram de receber tratamento médico.

Imagens desta intervenção, divulgadas nas redes sociais, mostram pedras e garrafas a serem arremessadas de prédios contra uma coluna de agentes da PSP, munidos de capacetes e escudos de proteção.