VÍDEO SEGUINTE
Descrição

Era suspeito de porte ilegal de arma, foi denunciado às autoridades e acabou morto. Os detalhes do homicídio que levam quatro GNR à Justiça

Uma perseguição policial em Palmela terminou com a morte do fugitivo, um homem de 62 anos.

Os quatro militares da GNR envolvidos são agora acusados pelo Ministério Público de não terem tido o cuidado que se impunha. Enfrentam agora uma acusação de homicídio.

Um deles é um coronel, comandante da GNR de Setúbal, que tem vários louvores do ex-Presidente da República, Jorge Sampaio.

28 set 2023, 21:47
Últimos
Últimos

Mais Vistos