VÍDEO SEGUINTE
Descrição

Operação Vórtex: juiz deixa cair caução de 200 mil euros pedida a Pinto Moreira

Além do termo de identidade e residência, Pinto Moreira, que foi ouvido esta sexta-feira no Tribunal de Instrução Criminal do Porto, não pode contactar arguidos e testemunhas envolvidas na operação Vórtex. O Ministério Público tinha ainda pedido uma caução de 200 mil euros, mas o tribunal deixou cair essa proposta.

O ex-autarca de Espinho é acusado de corrupção passiva, tráfico de influência e violação das regras urbanísticas.

21 jul 2023, 20:15
Últimos
Últimos

EM DESTAQUE