Porque está o azeite tão caro? O preço ainda vai subir mais? E quem está a ganhar todo este dinheiro? - TVI

Porque está o azeite tão caro? O preço ainda vai subir mais? E quem está a ganhar todo este dinheiro?

Se Portugal produz azeite mais do que suficiente para o seu próprio consumo, porque é que os preços estão a subir tanto este ano? Fomos ao Alentejo à procura de respostas. E ver como se produz tanto azeite - tão bom e tão caro.

É "o milagre do preço do azeite" e é também o título do episódio desta semana da rubrica As Pessoas Não São Números, que pode assistir na íntegra no vídeo. Viajámos até ao Alentejo, onde visitámos um lagar de elevada produção em Serpa e um olival super-intensivo em Baleizão. E, aí, o jornalista Pedro Santos Guerreiro falou com especialistas, que lhe abriram as portas e lhe abriram o jogo: são os produtores que mais estão a ganhar com este aumento brutal do preço do azeite.

As razões para este aumento vêm sobretudo de Espanha, o maior produtor mundial de azeite, que sofre uma quebra enorme desde há dois anos, motivada pela seca. A seu favor, Portugal tem o Alqueva, que permitiu transformar esta cultura de sequeiro em regadio e está preparado compensar entre três e cinco anos de seca extrema. A produtividade disparou.

É, pois, para Espanha que grande parte do azeite produzido em Portugal é exportado, num mercado global em que o preço resulta de trocas internacionais. E o que se segue no próximo ano? Depende das chuvas na primavera, explica Pedro Pedro Marques, da empresa Lagar do Vale.

Veja o episódio na íntegra no vídeo acima. E consulte as fontes e informações usadas em baixo.

Fontes e informações neste episódio

- Preço do Azeite já subiu 70% este ano. Fonte: INE via CNN Portugal

- Preços do azeite atingem os 9, 10 e 11 euros por litro. Fontes: Observatório de Preços Agroalimentar, fontes de mercado e preços na distribuição

- Cada português gasta cerca de 65 euros em azeite por ano. Fonte: Casa do Azeite, resposta por via oficial

- INE prevê que produção de azeitona suba 20% este ano. Fonte: INE via Expresso.

- Caraterização da Área do Alqueva. Fonte: EDIA - Empresa de Desenvolvimento e Infra-estruturas do Alqueva 

- Dados do Alqueva e da produção do olival. Fonte: EDIA  Estudo “Olival em Alqueva – Caracterização e Perspetivas”, EDIA / DGADR / DGAV / DRAP ALENTEJO / INIAV , Novembro de 2020

- Produção de azeite em Portugal. Fonte: INE 

- Estatísticas Agrícolas 2022. Fonte: INE

Preço do azeite não vai baixar apesar do aumento de 20% na produção de azeitona. Fonte: Casa do Azeite via Lusa e CNN Portugal

- Produção internacional de Azeite (por maiores produtores). Fonte: relatório "Market Situation in the olive oil and table olive sectors", do Expert Group for Agricultural Markets da Comissão Europeia, novembro de 2023

95% do azeite português é de qualidade virgem e virgem extra. Estudo “Alentejo: A Liderar A Olivicultura Moderna Internacional”, Consulai e Juan Villar, Consultores Estratégicos, 2019

- Área de olival em Portugal e Espanha. Fonte: Eurostat International Organization of Vine and Wine

- Dados comparados de consumo de azeite. Fonte: International Olive Oil

Consumo de azeite em Portugal e em Espanha. Fonte: World Population Review

- Portugal é o terceiro maior exportador europeu de azeite. Fonte: EurostatInternational Olive Oil

Exportações de azeite de Portugal crescem 12 vezes em volume e 18 em valor em 20 anos. Fonte: Consulai, via Lusa e Dinheiro Vivo

Investimento português e estrangeiro no Alqueva. Fonte: Anuário Agrícola de Alqueva 2022, EDIA - Empresa de Desenvolvimento e Infra-estruturas do Alqueva

- Investimento estrangeiro no olival: mais informações no Eco

- Composição do preço do azeite: custos e margens dos produtores e do resto da cadeia de produção. E cenários de evolução dos preços em 2024. Fontes de mercado contactadas pela CNN Portugal. Os valores não são públicos nem oficiais

- Um espanhol consome o dobro do azeite de um português. Dados: consumo de azeite per capita em Portugal é de 6,5 litros por ano; em Espanha é de cerca de 12 litros. Fontes: Casa do Azeite (resposta por via oficial) e OCU (Organización de Consumidores y Usuários, Espanha), via El Pais.

- Um português bebe dez vezes mais vinho que azeite. Dados: consumo per capita de vinho é 67,5 litros por ano; o de azeite é de 6,5 litros. Fontes: Casa do Azeite (resposta por via oficial) e relatório "State of the World Wine and Vine Sector", abril de 2023, da. International Organization of Vine and Wine

Ficha técnica

As Pessoas Não São Números
Episódio 9 da 2ª Temporada: O “milagre” do preço do azeite

Local de filmagens: Serpa e Baleizão, Alentejo.

Autores do episódio: Pedro Santos Guerreiro e António Prata

Imagem: David Luz e Fábio Mestre

Edição: Filipe Freitas

Grafismo: Diogo Bobone e Rita Silva

Música: “Fadinho Alentejano”, Ricardo Ribeiro, 2016

Agradecimentos

Agradecemos ao Lagar do Vale, na pessoa de Pedro Marques, pela enorme disponibilidade para esta reportagem. E a todos os que acederam a partilhar connosco informação e experiência, incluindo os vários entrevistados. Agradecemos também ao Serpa Hotel, na pessoa de Bento Gemas, pela arte de bem receber e autorização para filmagens. E ainda à Casa do Azeite, na pessoa de Mariana Matos, pela solicitude e rapidez no envio de informação.

Continue a ler esta notícia