Governo garante que problemas no Júri de Exames não afetam provas de aferição - TVI

Governo garante que problemas no Júri de Exames não afetam provas de aferição

  • Agência Lusa
  • AG
  • 16 mai 2023, 07:08
João Costa, ministro da Educação (André Kosters/Lusa)

Vários responsáveis colocaram o lugar à disposição na véspera do arranque da fase de provas

O Ministério da Educação garantiu esta segunda-feira que a realização das provas de aferição está assegurada e que se irá manter o calendário previsto, apesar de responsáveis pela classificação das provas terem posto o seu lugar à disposição.

Na véspera do arranque das provas de aferição em formato digital e a cerca de um mês do início dos exames nacionais, vários responsáveis do Júri Nacional de Exames anunciaram que tinham posto o lugar à disposição.

A informação começou a circular nas redes sociais e, questionado pela Lusa, o gabinete de imprensa do Ministério da Educação garantiu que “tem estado a acompanhar a situação das estruturas do Júri Nacional de Exames (JNE), estando envolvido na procura de soluções que venham a garantir o pleno funcionamento daquelas estruturas”.

“No quadro atual, a realização das provas de aferição encontra-se assegurada cumprindo-se a calendarização prevista”, acrescentou a tutela.

Entretanto, segundo a edição online do Diário de Notícias, já houve pedidos de demissão feitos por responsáveis pelos exames da zona Norte, Centro e Lisboa que representam 27 dos 35 agrupamentos de exames existentes no país.

Continue a ler esta notícia