Jesus: três dias. Galamba: duas horas (temos memes sobre a ressurreição mas também temos memes laicos) - TVI

Jesus: três dias. Galamba: duas horas (temos memes sobre a ressurreição mas também temos memes laicos)

  • CNN Portugal
  • MCP
  • 3 mai 2023, 16:20
João Galamba (Horacio Villalobos/Corbis via Getty Images)

É como diz o ditado: quando há drama há memes (e este pseudoditado é ele próprio um meme semântico dos lugares-comuns). Divirta-se um pouco apesar de isto estar sério. "Isto": a política portuguesa

Relacionados

A maioria absoluta tem pouco mais de um ano mas foi tempo suficiente para a acumulação de polémicas - desde governantes que nem um dia duraram no cargo até ministros que se demitem mas que Costa não deixa, escolha a sua polémica preferida. A mais recente: João Galamba. No meio disto tudo, há quem se indigne, há quem já não se surpreenda e há quem já só aproveite a onda para fazer algum humor.

Não será apenas esta utilizadora quem já se perdeu no meio de tantas atualizações do caso de João Galamba - a expressão de Marcelo Rebelo de Sousa também revela alguma confusão.

O antigo portátil de Frederico Pinheiro foi mais fácil de recuperar e não terá estado nas mãos do Governo mais de 3500 anos.

 E quando se pensa no estado do Governo, muitos imaginam a coisa mais ou menos assim.

E se havia falta do que se ver e falar, o Governo tratou de mitigar esse problema.

 

 

Continue a ler esta notícia

Relacionados