A PSP levou a cabo, durante a tarde desta terça-feira, uma operação policial no bairro da Horta Nova, em Lisboa, para identificar e deter os autores das agressões a três polícias ocorridas na segunda-feira à noite.

Esta operação teve início às 16:30 e envolveu cerca de 25 elementos de diversas valências da PSP, segundo adiantou aos jornalistas, no local, o subintendente da PSP Sérgio Soares.

O responsável explicou que a operação desta tarde visou proceder à identificação de alguns dos suspeitos de terem arremessado pedras e garrafas contra agentes da PSP, na noite de segunda-feira, do qual resultou ferimentos em três polícias.

Sérgio Soares referiu que durante esta operação as autoridades fecharam as duas entradas do bairro da Horta Nova, localizado na freguesia de Carnide, e levaram a cabo ações de fiscalização rodoviária (no exterior do bairro) e em três estabelecimentos comerciais (no interior do bairro).

Na sequência da fiscalização rodoviária, a PSP deteve duas pessoas, uma delas por falta de habilitação legal para conduzir e outra por excesso de álcool.

Da fiscalização aos três estabelecimentos comerciais do bairro, as autoridades procederam à elaboração de oito autos de notícia.

Segundo explicou Sérgio Soares, algumas das pedras e outros objetos arremessados na segunda-feira contra a PSP eram provenientes do interior destes estabelecimentos.

Relativamente aos três polícias feridos, o subintendente da PSP adiantou que sofreram ferimentos ligeiros e que já regressaram ao serviço.

/ NM