VÍDEO SEGUINTE
Descrição

Esta mulher desviou apoios para alunos para a própria conta: 220 mil euros

Funcionária da escola secundária de Gondomar é suspeita de ter desviado 220 mil euros da ação social para dez contas bancárias da própria e de familiares. O Ministério Público acusou-a formalmente do crime de peculato, falsificação de documentos e falsidade informática. 

1 abr, 21:57
Últimos
Últimos

EM DESTAQUE