Fábrica despede 50 pessoas e mães solteiras ficam em situações precárias: «Não dá para pagar contas às prestações»

9 jun, 11:44

No «Dois às 10», ouvimos o testemunho de várias funcionárias de uma fábrica em Guimarães, que ficaram no desemprego. Não estavam à espera deste desfecho. A situação é especialmente dramática para duas mães solteiras.

Vídeos

MAIS

Mais Vistos

Mais Vistos Goucha

A Não Perder

Receitas

Fotos