A Guarda Nacional Republicana (GNR) está a investigar o furto de uma réplica de dinossauro que estava em exposição no Jardim da Devesa, em Pedrógão Grande, no distrito de Leiria, disse fonte desta força de segurança.

“Recebemos hoje uma queixa da Câmara de Pedrógão Grande sobre o furto que terá ocorrido na noite de passagem de ano e iniciámos diligências”, afirmou à agência Lusa fonte da GNR.

No âmbito da programação de Natal, o município anunciou o “Natal Jurássico”, uma exposição que convidava a conhecer estes animais, iniciada em 23 de dezembro e que terminava esta segunda-feira.

O presidente da Câmara de Pedrógão Grande, António Lopes, confirmou a queixa contra incertos e apelou a quem furtou a réplica de um velociraptor, com cerca de 50 quilogramas, para a colocar em lugar visível.

António Lopes salientou que, “embora houvesse segurança” no local, “houve talvez uma janela de oportunidade” que possibilitou o furto.

“Esta exposição foi fantástica em termos de afluência, de famílias do concelho e de outras proveniências”, acrescentou, lamentando o furto.

/ PF